terça-feira, 11 de maio de 2010

seleção e circo


"Na Roma antiga, a escravidão na zona rural fez com que vários camponeses perdessem o emprego e migrassem. O crescimento urbano acabou gerando problemas sociais e o imperador, com medo que a população se revoltasse com a falta de emprego e exigisse melhores condições de vida, acabou criando a política “panem et circenses”, a política do pão e circo. Este método era muito simples: todos os dias havia lutas de gladiadores nos estádios (o mais famoso foi o Coliseu) e durante os eventos eram distribuídos alimentos (trigo, pão). O objetivo era alcançado, já que ao mesmo tempo em que a população se distraia e se alimentava também esquecia os problemas e não pensava em rebelar-se. Foram feitas tantas festas para manter a população sob controle, que o calendário romano chegou a ter 175 feriados por ano".

-
Será que isso só acontecia em Roma? Claro que não! Ainda acontece em todo lugar e é claro que o Brasil não poderia ficar de fora dessa. Aqui qualquer coisa é motivo de colocar um trio elétrico na rua e o povo sair correndo atrás como se estivessem hipnotizados. As pessoas num instante se esquecem de tudo de errado que existe na cidade. A Copa do Mundo está para começar, e é mais uma dessas festas. Que joguem as primeiras pedras as pessoas que não gostam da Copa! Eu não posso mentir, pois adoro, e vou me deixar corromper por ela. Deixarei tudo que tenho para assistir; estudar, trabalhar, qualquer coisa, só para ver o nosso time e a emissora que vou ver, enchendo os bolsos de dinheiro, enquanto eu me prejudico na vida... Mas fazer o que? Eu não sou a única, nem a última bestona do mundo... Você também é, ou não?

ps: não gostei muito da convocação, resta-me esperar pra ver os resultados! ;**

11 comentários:

  1. Também gosto de futebol, então vou assistir todos os jogos do Brasil até de outras nacionalidades se assim for. Eu pensei que o neymar ia ser chamado, uma pena ele é um craque.

    ResponderExcluir
  2. cá em portugal também ninguem gostou da convocatoria..!mas vai correr tudo bem!! ou nos, ou voces! hehe

    ResponderExcluir
  3. É bem assim, por mais que a gente saiba que não irá ocorrer nenhuma mudança na nossa vida a não ser para prejudicar nossos horários e depois ter que repor as atividades que deixamos de fazer por causa da copa, é impossível não se contagiar pelo clima, pela alegria, até torcer deixa de ser algo limitado a desejar uma boa sorte, vira uma festa, são gritos, pulos, expectativa...não sei se gosto da Copa por si só ou o que eu gosto mesmo é da folia do momento.
    auhauhauahua
    BJus flor.

    Obs: Tava lendo esse post e comentei errado no outro...deletei e colei aqui. =)

    ResponderExcluir
  4. rum! Que belo exemplo você está dando!

    ResponderExcluir
  5. Parabéns pelo seu blogger, gostei muito, ser você quiser me visita no meu blogger
    Tenho o blogger de noticia da africa do sul e tv ao vivo. direito na africa do sul.
    Você pode acompanha noticia 24 horas na africa do sul. para acompanha na noticia você clicar

    "assine Feed" para recebe toda novidades por e-mail, sobre a copa.

    http://copanafrica2010.blogspot.com

    or

    http://www.cupafrica.dahora.net

    Espero que seja meu seguidor.

    ResponderExcluir
  6. eu gostei da convocação! acho que eu fui a única do mundo que gostou... kkkkkkkk.
    não queria que o Neymar fosse, ele não tá preparado ainda eu acho!
    e concerteza vou parar a minha vida para assistir a copa :D
    beijo Thainá :*

    ResponderExcluir
  7. tbm não gostei muito da convocação! :/ mas...
    enfim,lindo seu blog!
    se puder visita o meu tbm! :*

    ResponderExcluir
  8. obrigada pelos comentário geente..
    só nos resta esperar e ver os resultados desta Copa :P
    ;**

    ResponderExcluir
  9. Não gostei da convocação, mais... Vamos torcer né? ninguém sabe o que se passa na cabeça de Dunga, quem sabe ele surpreende a todos né? O mundo vai parar a vida pra copa! :D

    ResponderExcluir
  10. no fim.......... que venha a copa!
    http://junoronha.blogspot.com/

    ResponderExcluir

O que os meus descobridores pensam?